Mapa Meu - Travel Experiences Lda
+351 917 434 117

Açudes e serranias de Oleiros com Miguel Judas

Em pleno Pinhal Interior, Oleiros é um dos concelhos mais desconhecidos do país e também um dos mais bonitos, como os participantes nesta escapada poderão comprovar. Durante um fim-de-semana vamos percorrer os setes açudes que circundam a vila ao longo da Ribeira de Oleiros, conhecer a “mui nobre Villa de Álvaro”, encavalitada numa escarpa sobranceira ao Zêzere, e visitar alguns dos mais importantes monumentos naturais da Georrota do Orvalho. Tudo isto com muitos mergulhos e deliciosos petiscos à mistura!

 

DATAS: 10 a 12 de JULHO de 2020

 

DIA 1 | AÇUDE PINTO

Chegada ao Parque de Campismo de Oleiros por volta das 20h00. Quem quiser pode chegar mais cedo e relaxar na praia fluvial mesmo em frente. O jantar de hoje vais ser em estilo piquenique no próprio camping: pão, queijo e enchidos da região, doçaria local e fruta.

DIA 2 | À DESCOBERTA DA RIBEIRA E ROTA DO CABRITO

Por volta das dez e meia, depois do pequeno-almoço preparado em conjunto, vamos fazer o percurso à Volta da Ribeira e a Rota do Cabrito, que ao longo de pouco mais de dez quilómetros percorre os famosos sete açudes de Oleiros, onde, com um pouco de sorte, se podem avistar lontras, ginetas ou esquilos. Se o tempo estiver bom, impõe-se um mergulho no Açude da Lameira, “o mais lindo do mundo”, segundo dizem os locais. Pouco depois da Ponte Grande, tem início a Rota do Cabrito, mais afastada da vila e que dá acesso a mais quatro açudes, como o da Tapadona, onde teremos à espera um arroz de pato caseiro para retemperar forças antes de seguir caminho. O regresso faz-se pela margem oposta, por vezes mais afastados da água, mas com algumas vistas panorâmicas sobre a ribeira. O passeio termina no centro da vila. À noite, o jantar será numa típica adega oleirense, onde ao jantar serão servidos os dois pratos mais típicos do concelho: os maranhos e o cabrito estonado.

DIA 3 | VILA DE ÁLVARO E GEORROTA DO ORVALHO

Por volta das dez da manhã e já com tudo arrumado no parque de campismo rumamos para a Aldeia do Xisto de Álvaro, que na verdade é uma vila que outrora pertenceu à Ordem de Malta e fazia parte de um primitivo Caminho de Santiago. Fica situada numa crista sobranceira ao Zêzere e é conhecida pelo seu vasto património religioso, no qual se destacam mais de vinte capelas. Faremos parte do circuito das capelas e depois vamos relaxar um pouco junto ao Zêzere, na praia fluvial de Álvaro, onde será servido um almoço regional, no qual o prato principal será peixe do rio. À tarde, seguimos em caravana até à freguesia do Orvalho, situada a cerca de 40 quilómetros, no extremo norte do concelho, para visitar alguns dos monumentos naturais mais importantes da Georrota do Orvalho, como o poço da Fervença e a imponente cascata da Fraga da Água d ́Alta, onde recentemente foram construídos uns passadiços. Acabaremos, ao fim da tarde, no miradouro do Cabeço Mosqueiro, de onde, nos dias limpos, se conseguem avistar todas as grandes serras da região centro: Açor, Estrela e Lousã.

 

VALOR POR PESSOA: 120€

O QUE INCLUI:

– 2 noites em tenda (se não tiveres tenda própria deverás avisar-nos aquando da inscrição para procurarmos uma solução). Em alternativa, podes (mediante disponibilidade) alugar um tippi (com cama e respetivos lençóis) de glamping com capacidade para duas pessoas mediante o pagamento adicional de 40 euros por noite, por pessoa.

– Lanche ajantarado da primeira noite

– Almoço e jantar do segundo dia

– Almoço no terceiro dia

– Acompanhamento do líder Landescape ao longo dos 3 dias do programa

O QUE NÃO INCLUI:

– Transportes de/para o lugar das atividades

– Pequenos-almoços e alimentação não especificada

– Despesas pessoais

– Outros gastos não incluídos no itinerário

. Seguro pessoal de viagem

 

As inscrições terminam a 03 de Julho, de forma a garantir as reservas.

Para mais informações contactar a Landescape pelo e-mail geral@landescape.pt 

Artigo redigido pelo Miguel Judas, líder de viagens Landescape ao Irão.